21 de mai de 2016

SECRETARIA DE AÇÃO SOCIAL DE CURAÇÁ BENEFICIA MULHERES COM OFICINA DE SEQUILHOS

A Secretaria Municipal de Ação Social e Cidadania (SMASC), por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), realizou de 17 a 19 de maio, o Projeto ‘Mulheres de Sucesso’ oferecendo uma Oficina de Sequilhos (produção de biscoitos de tapioca) para as mães do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV, nas idades de 04 a 17 anos.

No primeiro dia (17), houve acolhida, entrega de material informativo, palestra e dinâmicas sobre empreendedorismo e a importância da mulher no mercado de trabalho. O trabalho foi conduzido por Paula Bezerra, psicóloga do CRAS e técnica de referência deste SCFV e por Daiane Caetano, pedagoga do SCFV. “É gratificante perceber o entusiasmo das participantes em buscar conhecimento e aprender a fazer sequilhos, proporcionando autonomia e geração de renda para as suas famílias”, destaca Paula Bezerra. A oficina foi conduzida pela professora Betânia Almeida, contratada pela SMASC, que ensinou as participantes a fazer os sequilhos, entregou receitas impressas e possibilitou que as mães “colocassem a mão na massa”, praticando aquilo já visto na teoria.

Durante os dias de realização da oficina, foram registradas as presenças de: Maria Lúcia Coutinho, Diretora da Proteção Social Básica e Especial; Denize Carvalho e Joana Dias, assistentes sociais do CRAS, e a Secretária de Ação Social e Cidadania, Juçaria Dantas, que ressaltou a importância da Oficina para a promoção da autonomia das mulheres e parabenizou o empenho das participantes nos três dias de oficina. “Este é o objetivo da nossa oficina, proporcionar maior autoestima, autonomia e geração de renda para as famílias do nosso Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos”, destacou a Secretária.

Ao fim da Oficina, na noite de ontem (19), os participantes experimentaram os sequilhos e avaliaram positivamente a iniciativa. “Gostei muito dessa oportunidade e espero que ocorra mais vez, pois a experiência é muito boa. Além de usar para benefício próprio e familiar, pretendo passar o conhecimento para outras pessoas”, enfatizou Silvania Souza Silva. Edivania dos Santos também elogiou a Oficina. “Vejo como uma fonte de renda, pois estou desempregada”, disse. A equipe responsável pela Oficina realizou os agradecimentos finais e informou que haverá entrega de certificados às participantes, com data e local ainda a definir. O Evento foi finalizado às 21h30.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá
Apoio: Paula Bezerra  

Nenhum comentário:

Postar um comentário