18/09/2014

PROPAGANDA ELEITORAL

Qual o sentido da propaganda eleitoral nos moldes como ela ocorre hoje? Esse pensamento vem me acompanhando desde o início da atual temporada política e confesso à vocês que, cada vez mais, acho que o atual formato não faz sentido algum.
Dirigindo pela cidade vou olhando as placas de propaganda. Vejo uma sucessão de rostos e números que não me dizem absolutamente nada. Quem são estas pessoas sorridentes que nunca vi antes? De onde elas vêm, o que fazem? De vez em quando vejo alguém conhecido e logo identifico que a foto deve ser de uns vinte anos atrás….onde estão as rugas e as marcas de expressão do candidato? Será que ele emagreceu tanto assim desde a última vez que o vi? Bem, a explicação alternativa é que carregaram a mão no photoshop! Mais placas, a ruas estão tomadas por elas. Que poluição visual horrorosa!  Será que alguém efetivamente escolhe um candidato simplesmente por ver seu rosto em cada esquina? E se escolhas são feitas desta forma, o que isso representa no processo político? Quanto será que elas custam?
Na televisão a situação é ainda mais desanimadora. Chico da Padaria, Pedro de Naninha, Peteleca, Tião…cada um com seu bordão. Quanto espírito belicoso!!!! Para lutar pela segurança, pela defesa de uma educação de qualidade, na luta por um transporte público. Me lembro de já ter ouvido tudo isso antes, em outras eleições, e de não ver grandes avanços. Parece que a frouxidão toma conta desses “bravos guerreiros” depois de eleitos.
Na parte voltada para os candidatos da majoritária a situação não é melhor. Eu fiz isso! brada o candidato A que apresenta números, fotos, tabelas e rostos para apoiar sua argumentação! Mentira! retruca o candidato B, eu é que fiz e tome-lhe a mais números, tabelas, fotos e rostos! Sim, e ai? Vamos tirar no par ou impar para ver quem tem a razão? Essas produções televisivas são caras, quanto será que elas custam?
Olhando para o conjunto fico com a impressão de que a propaganda é a expressão mais clara das disfunções de nosso sistema eleitoral que transforma o candidato a representante de um coletivo/grupo/segmento social em um produto a ser escolhido não por afinidade com os representados, mas por simpatia, por beleza, por emoção, por motivos que podem ser empacotados e vendidos pela propaganda da mesma forma que você faz com um sabonete ou um detergente! Como produto o candidato deve ter um recall para que no momento da escolha ele seja a primeira lembrança na cabeça do eleitor. Seu nome deve ser massificado, para que alcance o maior número possível de eleitores. Como um produto, ele ter se vincular a slogans e imagens fortes, daí a necessidade de frases de efeito mais do que conteúdo. Como produto ele ocupa um segmento do mercado, ele não é portador de ideias ou ideais. Como produto ele é consumido no momento da eleição e depois nos esquecemos em quem votamos.
Olhando para a propaganda eleitoral e os seus custos fico com a impressão de que uma reforma política significativa deverá ter, como uma de suas consequências principais, uma mudança radical na propaganda política. A propaganda é a expressão mais pura e acabada da disfuncionalidade do sistema político. Não que ela seja simplesmente modificada. Não precisamos de mais uma lei Falcão ou de regras mais duras aqui e ali como acontece com as propagandas de cigarro! A propaganda é apenas indicador de algo que acontece antes delas. Assim, uma reforma significativa deve tornar sem sentido a propaganda como ocorre em sua forma atual. E perdendo o sentido os custos de campanha caem…

Adriano Peixoto - Publicado originalmente no Política Livre
Adriano de Lemos Alves Peixoto é PHD, administrador e psicólogo, mestre em Administração pela UFBA e Doutor em Psicologia pelo Instituto de Psicologia do Trabalho da Universidade de Sheffiel (Inglaterra). Atualmente é pesquisador de pós-doutorado associado ao Instituto de Psicologia da UFBA e escreve para o site Política Livre às quintas-feiras.
Leia mais...

GOVERNADOR INAUGURA ADUTORA DO FORROZEIRO DIA 30/09

Confirmado. O governador Jacques Wagner, através do serviço de cerimonial, confirmou nesta terça-feira (16) a inauguração da Adutora do Forrozeiro para o dia 30 de setembro.
Em contato com o cantor, o chefe do cerimonial do governo da Bahia, Nelson Simões, confirmou a ida do governador Jacques Wagner e da primeira dama Fátima Mendonça a Barro Vermelho para a entrega da obra.
Filho da terra, o cantor Adelmário Coelho foi convidado pelo governador para acompanhá-lo em sua comitiva.
Confira a mensagem do chefe do cerimonial Nelson Simões para o cantor através do Whatsapp:
“Confirmada a inauguração da água dia 30. Amigo, tudo ok nos testes. Adutora do Forrozeiro será inaugurada dia 30/09, em Barro Vermelho.. Vamos fazer uma festa inesquecível pro seu povo. A logística toda é minha. A festa é sua… Quero combinar sua ida e de sua esposa com o governador e dona Fátima no voo.”
Responsável direto pela iniciativa do projeto, Adelmário não escondeu a emoção ao confirmar a conclusão da sonhada obra: “Mais importante do que realizar mil shows em minha terra, é saber que as torneiras e aguadas dos meus conterrâneos não sofrerão mais a ação implacável da falta de água para consumo humano e animal”.
Concluindo o breve contato, o forrozeiro não esqueceu de agradecer aqueles que viabilizaram o sonho de toda a comunidade de Barro Vermelho, Poço de Fora e Esfomeado no município de Curaçá e Pinhões, no município de Juazeiro: “Nada disso seria possível, se não contássemos com a sensibilidade e o senso humanitário do governador Jacques Wágner e sua equipe de governo. Nós seremos eternamente gratos” – concluiu Adelmário.
A programação oficial ainda não foi divulgada, mas o governador Wagner chegará de helicóptero na terça-feira em Barro Vermelho.
Informações: Carlos Humberto
Leia mais...

12/09/2014

AÇÃO SOCIAL DE CURAÇÁ ATENDE IDOSAS EM SITUAÇÃO DE DIREITOS VIOLADOS

O Governo Municipal de Curaçá, por meio da Secretaria de Ação Social e Cidadania (SMASC), prestou atendimento a duas idosas da Fazenda Esfomeado, localizada no Distrito de Poço de Fora, a 74 km da Sede. Amara Domingues Félix (83) e Rosa Domingues Félix (78), foram encontradas, de acordo com informações da SMASC, em situação de abandono e violação de direitos, durante busca ativa realizada por profissionais da Equipe Volante I do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), em abril do ano passado. A partir desse período, a gestora da SMASC, Juçaria Brandão, e equipe técnica da Secretaria passaram a assistir as idosas com vestuário e cestas básica (encaminhamentos do Benefício de Prestação Continuada - BPC); sendo acionado também o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). Nos últimos meses, foi construída uma nova residência para as irmãs, em parceria com comerciantes locais. 
 Conforme relatos da equipe SMASC, a casa que as idosas residiam estava com a estrutura totalmente comprometida e possuía muitos insetos, como barbeiro, além de morcegos. “Acionamos a Vigilância Epidemiológica, mas fomos informados que era impossível a retirada de morcegos, mesmo com borrifação. Então, começamos um trabalho de conscientização propondo às idosas uma nova moradia, pois elas resistam em morar naquela casa, sem as mínimas condições de sobrevivência”, ressaltou Juçaria, acrescentando que foi encontrada uma sobrinha das idosas e seu esposo (Márcia e Dodó), que concordaram em ceder um terreno na propriedade deles para a construção da nova residência. “Sensibilizamos os comerciantes da nossa Cidade e toda a nossa equipe de trabalho para que as vidas de Amara e Rosa fossem transformadas. Esta não é só uma atitude que devemos ter enquanto profissionais, mas uma questão humanitária, cabendo essa responsabilidade a cada um de nós enquanto seres humanos”, enfatizou a Secretária.


Ainda de acordo com informações da SMASC, foi realizado estudo de caso pela Equipe Volante I e acompanhamento familiar, a cada 15 dias, com Amara e Rosa, desde o ano passado; além de cadastro no Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e inserção no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. “A Equipe CREAS fez o processo de curatela das mesmas para conduzir com a demanda do BPC, inclusive com visitas das idosas à Curaçá, no mês de agosto. A próxima ida será ao Instituto Nacional de Segurança Social, o INSS de Juazeiro, para entrevista e entrada no benefício assistencial”, explicou Elieusina Rodrigues, Assistente da SMASC.

A Assistente Social da Equipe Volante I, Kiara Alves, acompanhou as idosas desde o início da busca ativa e se disse gratificada. “É um momento importante da profissão, quando percebemos o resultado do trabalho, principalmente no que tange às questões de garantia de direitos”, disse a Assistente Social. “Não podemos deixar de agradecer aos comerciantes das empresas Rede Erguer/Profértil, Assis Móveis, Cerâmica São Benedito, Maco-Agro, aos pedreiros que, com muito carinho, construíram esse novo lar e a todos que contribuíram de alguma forma, assegurando melhor qualidade de vida para Amara e Rosa e chamando também a responsabilidade aos seus familiares e a toda a comunidade da Fazenda Esfomeado, para se envolverem em causas como essas”, concluiu Juçaria Brandão.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá
Leia mais...

AULÃO DO ENEM EM CURAÇÁ

Aulão ENEM da UNEB. Dentro do Projeto Universidade para Todos, acontece nessa quarta-feira, dia 17 de setembro, a partir das 19h, no Teatro Raul Coelho, o Aulão do ENEM com o tema: Nordeste – caatinga; com os professores Rubens (química), Auriane (geografia), Tadeu Gomes (matemática) e Gessiane (literatura e redação).
A entrada é gratuita, você não pode ficar de fora!
 Aulão ENEM da UNEB.
Realização: Departamento de Ciências Humanas da UNEB
Apoio: Secretaria de Educação
Governo Municipal de Curaçá, nossa gente em primeiro lugar
Leia mais...

10/09/2014

DANILO PERNAMBUCANO E CLASSE A ANIMAM FESTA DA PADROEIRA DE PEDRA BRANCA

O povoado de Pedra Branca estará em festa neste sábado, dia 13 de setembro. Distante da Sede 94km, a comunidade festeja a Padroeira Nossa Senhora de Lourdes.

Além da tradicional programação religiosa, haverá forró com os artistas Danilo Pernambucano e Banda e Forrozão Classe A.

A festa tem a realização da Prefeitura Municipal de Curaçá.

Leia mais...

08/09/2014

6ª EXPO-CURAÇÁ E 2ª AGROFAM SÃO BEM AVALIADAS


De 5 a 7 desse mês, Curaçá realizou sua sexta Exposição de Animais com feira (Expo-Curaçá) e ‘2ª Feira da Agricultura Familiar – Agrofam’. O Evento aconteceu no Parque Durval Coelho de Aquino, no Vale. A programação contou com concursos para animais com potencial de peso e produção de leite, inclusive com premiações do 1º ao 3º lugares, exposição peixes, de produtos agrícolas e artesanato, além de apresentações musicais. O concurso da ‘Miss Agrofam 2014’ não aconteceu por falta de concorrentes.

No dia 5 (sexta-feira), devido à falta de energia elétrica, não aconteceu a abertura do Evento que se deu na manhã do dia seguinte. Mas houve a recepção de animais e criadores de Curaçá e Região. O show marcado para sexta, com Zé de Célia (voz e violão) aconteceu somente no domingo. Cassiano Ricardo se apresentou no dia 6 à noite. Pela manhã, Zé Maria ‘toca tudo’ fez transmissão ao vivo no seu programa de rádio da Grande Rio AM, com participações especiais de Vera de Maria Maga, Rivonety Cavalera e contos do humorista curaçaense, Zé Reis.

Na tarde do sábado aconteceram os julgamentos dos animais de peso e leite, pelo Veterinário, e juiz de caprinos e ovinos, Salvador Santana Silva. Participaram ovinos da raça Dorper e caprinos Saanen e Anglonubiano. Os animais mais premiados foram os de Cícero da Mota, da Fazenda Malhada Real, o qual é um dos maiores destaques regionais de criação de caprino da raça anglonubiana de boa genética e que vem vencendo seguidamente os julgamentos em outras feiras. “Em Curaçá, muitas pessoas vem criando esses animais. Eu, já crio há seis anos. Tem muito mercado, falta é animais. A gente tem vendido todos, inclusive cabritos ainda na barriga da cabra. E nessas exposições, a gente tem buscado mostrar mais ainda nosso produto”, disse Cícero. Outro criador que se destacou por expor bons animais foi Salomão Ribeiro (Neto). “Hoje estamos buscando melhorar os rebanhos de ovinos e caprinos para leite e carne. Isso mantém nossa sobrevivência e ainda sobra dinheiro, especialmente quando vende animais de boa genética. Sobre a Exposição de Curaçá, eu gostaria de parabenizar todos os organizadores pelo Evento”, falou o criador de Uauá-BA.
 
Na 2ª Agrofam, houve participação de micro e pequenos empreendedores de: Nova Jatobá, Ferrete e Esfomeado (Curaçá-BA), Malhada de Areia e Pinhões (Juazeiro-BA). “A gente produz o material e quer divulgar para as pessoas do Município e aos visitantes. Não existe emprego para todos, por isso temos que ser empreendedores para garantir nosso sustento. Aí precisamos muito que aconteçam essas feiras para divulgar”, explicou o Artesão Daniel Gonçalves, da Comunidade Quilombola de Nova Jatobá, em Curaçá. “Precisamos garantir que esses momentos aconteçam mais de três dias por ano, especialmente por causa do nosso potencial. Quero aproveitar para agradecer a todos que contribuíram para o sucesso dessa Exposição e Feira, em especial ao nosso Prefeito Carlinhos Brandão por ter garantido toda a logística; ao Secretário de Governo, Josemário Brandão; aos vereadores presente no Evento: Januário Brandão, Beto Araújo e Wanderley Loureiro; e à equipe da SMDR pelo empenho e união”, disse Luiz Barros, Secretário da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural – SMDR.

Conforme dados SMDR, ingressaram na 6ª Expo-Curaçá 263 animais (sendo 161 caprinos), de Curaçá, Juazeiro, Casa Nova, Andorinha, Senhor do Bomfim e Uauá. A fiscalização foi realizada pela Agência de Defesa Animal da Bahia – ADAB, que impediu a entrada de 49 animais. Além da ADAB, apoiaram o Evento: EBDA, Mata Branca, SEBRAE, STR Curaçá, Cesol, Posto Curaçá; e patrocínio de: Aki Papelaria, Bode Assado e Cia, Supermercado Pague Menos, Rede Erguer, Assis Móveis, Icofort, Macoagro, Bom Preço Rações.  

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá
Leia mais...

CURAÇÁ COMEMORA A INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

O Governo Municipal de Curaçá por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Desporto – SECD realizou nos dias 5 e 6 de setembro a celebração da Independência do Brasil. O Evento foi comemorado com os desfiles cívicos feitos pelas escolas Municipais e Estaduais e Particulares de Curaçá, com o trajeto de saída da Praça Monsenhor José Gilberto (Praça do H) e término na Praça de Eventos, próximo à Rodoviária.

O Desfile, no dia 5, pela manhã foi em Barro Vermelho; e à tarde aconteceu na Sede com participação das escolas de anos iniciais do Município e Escola Fonte Nova. No dia 6, foi dividido em duas partes, a primeira aconteceu as 8h da manhã com o desfile das escolas do ensino primário e fundamental I que fizeram alusão ao tema “Sou Brasileiro com muito Orgulho”, mostrando dados positivos, qualidades culturais, econômicas e turísticas de quatro regiões brasileiras. A Escola Chapeuzinho Vermelho ficou com a região Norte; Caminho da Cidadania, região Sudeste; Ciranda do Saber, região Sul e Caminhos do Aprendiz com a região Nordeste. “Esse desfile é um momento muito importante para educação, pois vemos os alunos juntos, seja do Estado ou Município, e esse é o objetivo, preparar esses jovens para ter sua independência e fazer no futuro um Brasil melhor. O desfile foi lindo, os alunos demonstraram, através das alegorias e frases nas faixas, o Brasil de norte a sul. Também estou muito orgulhosa como educadora em ver professores, diretores, coordenadores, pais e alunos juntos nisso, é muito gratificante”, comentou a Secretária de Educação, Valdelina Aquino. A segunda etapa do Evento se deu início as 16h com o desfile dos colégios de ensino fundamental II e médio Manoel Novaes,  mostrando um pouco dos estados Ceará e Piauí; José Amâncio, Pernambuco e Rio Grande do Norte; Ivo Braga, Paraíba e Alagoas; Col. João Matos, Maranhão e Sergipe; e o Colégio Scipião Torres mostrando o estado da Bahia. Durante todo o percurso os alunos foram acompanhados pelas fanfarras: Arco Íris e Antônio de Amorim Coelho de Lagoa Grande; Nossa Senhora Rainha dos Anjos de Petrolina; Colégio Paulo VI de Juazeiro; e Famuca e Fanib, ambas de Curaçá. 



Na Avenida Dr. Pedro Torres, em frente a Biblioteca Municipal houve um ato público conduzido pelo Orientador sócio-cultural, Alexsandro Martins, acompanhado por Valdelina Aquino; pelo Secretário de Governo, Josemário Brandão; e pelo Prefeito Carlinho Brandão. “Parabenizo os alunos de todas as escolas que participaram dessa grande festa. Foi um Desfile muito bonito e também muito informativo, pois os alunos apresentaram as culturas do nosso Brasil”, concluiu o Prefeito. Ao final foi cantado, por todos os presentes, o Hino do Centenário de Curaçá e o Hino Nacional. Logo após houve apresentações de fanfarras na Praça de Eventos. Durante os desfiles, a Polícia Militar garantiu a ordem e o Serviço Móvel de Urgência - SAMU a segurança em saúde

.

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Educação, ainda haverá desfiles cívicos no distrito de Riacho Seco (08/09); Patamuté (12/09); Pedra Branca (13/09); Poço de Fora (19/09) e São Bento (20/09), dando por fim os festejos da celebração da Pátria. 

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá




















Leia mais...

SAAE INFORMA INTERRUPÇÃO DO FORNECIMENTO DE ÁGUA NESTA TERÇA-FEIRA, (9)

O Saae de Curaçá informa a todos os clientes que haverá interrupção no fornecimento de água a partir das nove horas da manhã dessa terça-feira, dia 9.

O motivo é que acontecerá um serviço de entroncamento de rede de água do Novo Sistema de Abastecimento.

A previsão é que às 11h da manhã o abastecimento volte ao normal.

Pedimos desculpas pelo transtorno ao tempo em que agradecemos a compreensão de todos.

Saae de Curaçá, desde 1963 a serviço da Comunidade.
Leia mais...

04/09/2014

EBDA APRESENTARÁ NOVAS TECNOLOGIAS NA EXPO-CURAÇÁ

Entre os dias 4 e 7 de setembro, o Parque de Exposições Durval Coelho de Aquino, na cidade de Curaçá, vai sediar duas tradicionais exposições agropecuárias voltadas para agricultura familiar. Trata-se da 6ª Expocuraçá e da 2ª Feira Agropecuária Familiar e Arranjos Produtivos (Agrofam). Estão sendo esperados 5 mil pessoas durante os quatro dias dos eventos. A previsão é que sejam movimentados R$ 100 mil em negócios. A abertura oficial será na sexta-feira (5/09), às 19h. A entrada é gratuita.

Para demonstrar novas tecnologias para os agricultores familiares e promover o intercâmbio técnico entre os criadores regionais e estaduais, a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA) exibirá no seu estande unidades demonstrativas do cultivo da palma e dos Quintas Agroflorestais. Os visitantes poderão conhecer também as tecnologias recomendadas para conservação de forragem como a cilagem e fenação.
No estande da EBDA, os visitantes poderão, ainda, participar de palestras sobre temas como A Organização da Agricultura Familiar e Desenvolvimento Sustentável, Agroecologia, A Cultura e Tecnologia da Palma Adensada e a Estratégia Alimentar para o Semiárido. 

Segundo a responsável pelo Escritório Local da empresa em Curaçá, Teresinha da Costa, as duas exposições são de grande importância para a agricultura familiar da região. “Essas exposições fomentam a cadeia produtiva da agricultura familiar e propiciam uma oportunidade ímpar para a divulgação dos produtos dos pequenos agricultores”, destacou Teresinha.

Programação – A programação da 6ª Expocuraçá e a 2ª Agrofam inclui, atividades culturais, shows, torneio leiteiro de cabra, julgamento de raças, além de uma competição entre machos e fêmeas de caprinos e ovinos por peso. A organização das feiras é da Prefeitura Municipal de Curaçá através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, com o apoio da Gerência Regional da EBDA de Juazeiro e do Escritório Local de Curaçá.
Leia mais...

CONTAGEM REGRESSIVA PARA A 5ª EXPO-CURAÇÁ E 2ª AGROFAM

No próximo fim de semana, Curaçá sediará a quinta edição de sua Exposição de Animais com feira e concursos para animais com potencial de peso e produção de leite, inclusive com premiações. O Evento acontece no Parque Durval Coelho de Aquino, no Vale. O acesso é pela Avenida José Amâncio Filho. A programação também prevê exposição de produtos agrícolas e artesanato, dentro da ‘2ª Feira da Agricultura Familiar – Agrofam’ e ainda apresentações culturais, além do concurso para escolha da ‘Miss Agrofam 2014’.

No dia 5 (sexta-feira) acontece a abertura do Evento e recepção de animais e criadores. A partir das 19h haverá shows com Zé de Célia (voz e violão) e Cassiano Ricardo. No dia 6, Zé Maria toca tudo com transmissão ao vivo no seu programa de rádio da Grande Rio AM, com participações especiais a partir das 10h. E de 20h em diante, as apresentações ficam por conta de Fatel (voz e violão) e do forrozeiro Ivan Araújo. As atrações do Evento registram a ‘Miss Agrofam 2014’. O desfile das participantes, em trajes de banho, gala e a rigor, acontece no dia 5, às 20h. Haverá premiação para as garotas que se classificarem do 1º ao 3º lugar. As inscrições, abertas no último dia 25, continuam até o próximo dia 4 (quinta-feira), no Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Educação.

A Organização do Evento (Governo Municipal de Curaçá e Aprisco do Vale) já está cuidando dos detalhes finais, a exemplo de acabamentos e sinalização de baias, montagem das pistas d concursos, e formando a base para estandes dos participantes e apoiadores, a exemplo da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agropecuário da Bahia (EBDA), a qual estará fazendo demonstração de palma produzida nas Estações Experimentais do Órgão. “Acreditamos que os dois eventos somarão forças para potencializar os vários ramos das atividades relacionadas à agropecuária de Curaçá, proporcionando grande ganho ao Município e Região. A Agrofam trará a troca de experiência entre produtores e o público”, discorreu Luiz Barros, Secretário Municipal de Desenvolvimento Rural.

O Evento tem apoio também de: Mata Branca, SEBRAE, STR Curaçá, Cesol, Posto Curaçá, ADAB; e patrocínio de: Aki Papelaria, Bode Assado e Cia, Supermercado Pague Menos, Rede Erguer, Assis Móveis, Icofort, Macoagro, Bom Preço Rações. Mais informações pelo Telefone: (74) 3531-1121.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá
Leia mais...

01/09/2014

MAIS DE 90 MIL PÉS DE MACONHA LOCALIZADOS PELA POLÍCIA FEDERAL EM CURAÇÁ E REGIÃO

A Operação Angico II  localizou 19 plantações de maconha em 11 municípios ribeirinhos da região do São Francisco nos estados da Bahia e Pernambuco. Mais de 90 mil pés foram erradicados pela operação policial, realizada entre 22 e 29 de agosto nas margens do Velho Chico.
Segundo a polícia, a droga apreendida representa um volume de cerca de 26 toneladas, que se destinavam ao mercado consumidor do Nordeste. Os pés de maconha chegavam a dois metros de altura e, em boa parte, estavam prontos para o corte e posterior comercialização.
"Mais de  50 policiais, somando a participação de prepostos do Exército, da Polícia Civil e de diversas corporações da Polícia Militar da Bahia, estão envolvidos na operação", disse o delegado federal Amaro Guimarães, que coordena a operação.
Localidades
Não houve prisões, mas equipes de inteligência seguem pistas para identificar os responsáveis pelo cultivo. A operação foi realizada nas cidades de Abaré, Chorrochó, Curaçá,  Juazeiro, Sobradinho, Casa Nova, Sento Sé e Xique-Xique, na Bahia. Em Pernambuco, roças foram dizimadas em  Petrolina, Lagoa Grande, Dormentes e Afrânio.

Imagem do Google
Leia mais...

BARRAGENS DE RIACHO SECO E PEDRA BRANCA É TEMA DE COLUNISTA DO PORTAL "A TARDE"

O andamento das obras de transposição do rio São Francisco parece que vai tirar do papel os projetos de construção de duas pequenas barragens pela Chesf, cujo objetivo é compensar a perda de geração de energia da Usina de Sobradinho que a retirada de água do Velho Chico vai ocasionar. As barragens de Riacho Seco, no município baiano do Curaçá, e Pedra Branca, em Orocó, Pernambuco, se efetivamente forem construídas, vão provocar um impacto social tremendo: deslocar 11 mil pessoas que moram nos dois estados e terão suas casas submersas.

Novamente, ameaça virar realidade os versos da lendária música Sobradinho, de Sá e Guarabyra: "E passo a passo vai cumprindo a profecia/ Do beato que dizia que o sertão ia alagar/ O sertão vai virar mar". A composição descreve o drama das populações das cidades de Remanso, Casa Nova, Sento Sé e Pilão Arcado alagadas pelas águas de Sobradinho.

Almacks Luiz Silva, do Comitê da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco, e representantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) querem levantar essa discussão. Alegam que, quando os projetos das barragens de Riacho Seco e Pedra Branca foram lançados, em 2005, não existiam na Bahia os atuais parques eólicos de geração de energia. "Atualmente a energia eólica é capaz de suprir eventuais carências de energia ocorridas com a transposição. Para que submeter essas populações ribeirinhas ao mesmo drama dos desalojados de outras regiões alagadas?", indaga Almacks.


Sustentabilidade - Cada um dos parques eólicos de Jacobina, Casa Nova ou Morro do Chapéu vai gerar duas vezes o que se prevê que as duas usinas hidrelétricas produzirão (Riacho Seco, 240 megawatts; e Pedra Branca, 320 megawatts). "Com a vantagem de não impactar a vida de milhares de pessoas", assinala Almacks. Ele afirma que essas duas intervenções no rio não estariam dentro do mote da "sustentabilidade". Lembrou ainda os dados da Hidrelétrica de Xingó, que gera dez vezes mais energia que o previsto para as usinas de Riacho Seco e Pedra Branca e desalojou apenas 90 famílias. Taí uma boa pauta para ser discutida na campanha eleitoral deste ano. Os estudos indicam que as águas represadas atingirão comunidades de Abaré, Curaçá e Juazeiro (BA); Petrolina, Santa Maria da Boa Vista, Lagoa Grande, Orocó e Cabrobó (PE).

A vida continua

Como o show deve continuar, apesar do trauma ainda presente do desastre que matou Eduardo Campos, o horário político da TV começa amanhã. Deveria ser a abertura entusiasmada da fase mais importante da campanha, mas não há como driblar o clima de velório e luto que entristece o país. Mas a vida segue. O projeto Vota Bahia (parceria do Grupo A TARDE, Rádio Metrópole e TV Aratu) recomeça hoje, às 8 horas, com a entrevista do candidato do PSOL ao governo, Marcos Mendes, na Rádio Metrópole, conduzida por Mário Kertész. Amanhã será a vez de Paulo Souto (DEM); na quarta-feira, Rui Costa (PT); e na quinta, Lídice da Mata (PSB).
Julgamento de registros
Quinta, 21, é o prazo final para que os Tribunais Regionais Eleitorais julguem todos os pedidos de registro de candidatos a governador, vice-governador, senador, suplentes e deputados federais e estaduais, com publicação das respectivas decisões. Até sexta-feira, o TRE da Bahia havia indeferido 40 candidatos a deputado federal e 57 a estadual.
Travando a pauta

Faltam apenas duas sessões para que o projeto de desafetação de 62 terrenos do município passe a sobrestar a pauta da Câmara, ou seja, impeça a votação de outras matérias.
Antes dele, porém, há na ordem do dia três vetos e mais um projeto do Executivo. O presidente da Câmara acredita que o caso dos terrenos será votado até o final do mês.
Aposta
Em entrevista recente a Mário Kertész, o candidato ao Senado Otto Alencar (PSD) enumerou uma lista extensa de municípios  nos quais o atual governo teria construído estradas de acesso.

Diante da surpresa do radialista, apostou:

- Se tiver alguma mentira, desisto da candidatura.
Paraíso dos ladrões
Os roubos no Rio Vermelho são tão constantes que, além de fixarem placas em determinadas ruas avisando aos incautos "cuidado, área de assalto", os moradores do bairro estão seguindo a recomendação que, certa feita, foi postada no site da Secretaria da Segurança Pública: a de levar algum dinheiro para não irritar o ladrão. Mas documentos e cartões devem ser deixados em casa.

Na Vila Matos, tradicional área do Rio Vermelho, puxar conversa com qualquer comerciante sobre a ladroagem é ouvir, ao menos, cinco casos de assalto recentes. Isso porque os bandidos não se sentem intimidados com mais nada.

Alguns trechos são muito perigosos por facilitar  as fugas, como as ladeiras que ligam a Cardeal da Silva à orla. Nesses locais, o raro é encontrar quem ainda não foi assaltado.
POUCAS & BOAS
O  vereador Vado Malassombrado (DEM) quer que os eleitores possam pegar ônibus de graça em dias de eleição, inclusive neste ano. Segundo projeto apresentado por ele na Câmara, seria necessário apenas mostrar título de eleitor e carteira de identidade para usufruir da gratuidade no transporte.
O governador Jaques Wagner inaugura hoje, às 8 horas, mais dois acessos no Imbuí para quem utiliza a Avenida Paralela. As obras fazem parte do programa Mobilidade Salvador, pacote de intervenções cujos investimentos somam R$ 8,5 bilhões dos governos estadual e federal. Politicamente, em tese, as inaugurações beneficiam o candidato de Wagner ao governo, Rui Costa. Obras de grande utilidade para o cidadão valem muito mais que as centenas de placas de propaganda política espalhadas pela cidade.
O professor Antônio Magalhães Ribeiro, mestre em administração, especializado no setor público, ex-secretário de Finanças de Salvador, lança nessa sexta, 22, às 18h30, na sede da Abase (Jardim Armação), o livro Origens, Cultura e Tolerância Social à Corrupção no Brasil. Leitura pertinente em ano de eleição.

Por Biaggio Talento, publicado na Coluna  Tempo Presente do Portal A Tarde
Leia mais...

ACIDENTE DE MOTO MATA RAPAZ DE 22 ANOS

Um rapaz de 22 anos morreu após cair da motocicleta na madrugada desta segunda-feira (1º). De acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o acidente aconteceu por volta da 1h na altura do quilômetro 390 da BA-210.
O condutor da moto, que não teve o nome divulgado pela polícia, estava entre os municípios de Juazeiro e Curaçá quando tentou desviar de um animal que estava na rodovia. Ele perdeu o equilíbrio e caiu da motocicleta. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
Leia mais...

ACONTECE DESFILE CÍVICO E REINAUGURAÇÃO DE UNIDADE ESCOLAR NAS AGROVILAS

O Governo Municipal de Curaçá por meio do Departamento de Educação, Cultura e Desporto realizou, na última sexta (29), o Desfile Cívico das Agrovilas. O Evento aconteceu na Agrovila 5 e teve como tema “26 anos de Educação nas Agrovilas”; na ocasião, foram homenageados educadores da Localidade. Ainda pela noite se deu a reinauguração da Escola Municipal Marcos José Felix, localizada na agrovila 11. 

Desfilaram as Escolas Municipais Edite Gomes (Ag. 10), Marcos José Felix (Ag. 11), Monteiro Lobato (Ag. 5), Maria das Dores (Ag. 1), Colégio Estadual de ensino médio (Ag. 8) e Colégio Municipal Antônio Ribeiro situado no Núcleo. O acompanhamento foi feito pelas fanfarras: Municipal de Curaçá (Famuca), Fanfarra Ivo Braga (Fanib) e a Banda Marcial Antônio Gomes de Belém do São Francisco. Todas as escolas fizeram alusão aos 26 anos de educação das Agrovilas. Os alunos desfilaram caracterizados e segurando faixas com frases temáticas. O desfile passou por duas ruas e foi prestigiado pela população presente. Ao fim, todos os alunos se deslocaram para frente da Escola Monteiro Lobato onde aconteceram as homenagens e os pronunciamentos das autoridades. “A Escola é a base do desenvolvimento de qualquer sociedade plena, e nada mais gratificante do que comemorar a perpetuação de um futuro brilhante, por isso

 parabenizo a Secretária de Educação, diretores, professores, alunos e demais pessoas que fizeram parte da organização para realizar essa comemoração dos 26 anos de educação das agrovilas, com o desfile cívico que de fato foi lindo”, falou o Prefeito, Carlinhos Brandão. A Secretária de Educação Também fez seu pronunciamento: “o Evento em questão é a história de educação dessa Localidade; comemorar essa data é de suma importância, pois é através da educação que conseguimos alcançar nossos objetivos. Percebo que as pessoas das Agrovilas são alegres e sempre participam dos eventos escolares; fico feliz, pois suas ações contribuem para o crescimento educacional do Município” comentou. “Foi muito lindo o desfile, Deslumbrante! Nossas expectativas foram atendidas de todas as formas, toda população estava presente. Os alunos estavam lindos, caracterizados. Moro na localidade há 12 anos e nunca foi comemorado essa data que é muito importante, pois se trata de educação. Estou muito orgulhosa de nossas Agrovilas”, comentou a Representante Distrital, Wilma Maia.
 Por volta das 20h, foi reinaugurada a Escola Municipal Marcos José Felix que fica localizada na Agrovila 11, com base do setor de planejamento, foram gastos mais de 16 mil reais sendo recursos próprios da Prefeitura. De acordo com a Auxiliar Administrativo da Escola, Deide Jane, foram construídos mais dois cômodos “A escola foi reformada e ampliada por completo; foram reparadas todas as irregularidades, como por exemplo a parte hidráulica que era um dos principais problemas; também foram ampliados os banheiros e colocado cerâmica além da construção de dois novos cômodos, onde um se tornou uma sala de aula e o outro foi dividido em um refeitório e uma cozinha”, explicou. “A escola está linda, fico muito feliz em ver que agora podemos ensinar nossos alunos num lugar onde eles vão ter vontade de estudar. Agradeço ao Governo Municipal e também a equipe da Escola que sempre esteve presente para ajudar no que precisasse”, comentou a Diretora da Unidade, Edivânia Pinheiro. Também estiveram presentes no Ato algumas autoridades municipais: Secretária de Ação Social, Juçaria Dantas; o Diretor de Cultura, Sérgio Ramos; o Diretor de Esportes, Eneilton Ramos; o Vereador Theodomiro Mendes; o Vereador Beto Araújo; a Vereadora Maria da Paz; a Vereadora Gressiany Hipólito e a Vereadora Rejane Sângela.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá
Leia mais...

PSICÓLOGA MORRE APÓS ACIDENTE NO PROJETO PEDRA BRANCA

Um acidente de trânsito, ocorrido por volta das 22:50h do último domingo (31/08), na estrada do Projeto Pedra Branca em Curaçá tirou a vida da psicóloga Eveline Alburqueque, 31 anos, residente em Petrolina, natural de Terra Nova-PE. 
Segundo registros, a vítima retornava do Projeto, onde lecionada, conduzindo um veículo Celta quando, por motivos desconhecidos, perdeu o controle da direção do automóvel em uma curva acentuada, ocasionando o acidente que provocou sua morte. No veículo havia ainda uma passageira que não teve sua identidade revelada, a qual sofreu ferimentos leves e não corre risco de vida. Eveline  deixa um filho de 3 anos, o sepultamento da psicóloga está previsto para a manhã desta terça-feira (02/09) na Cidade de Terra Nova-PE.
Leia mais...

25/08/2014

WALTER ARAÚJO: MEMÓRIAS DE PATAMUTÉ - JOÃO BRANDÃO LEITE

O escritor francês Antoine de Saint-Exupéry, que todo jovem deveria ler, deixou imorredouras lições em seus escritos, que servem para atapetar nosso caminho para a distância.
                       
A juventude é a quadra da vida que nos permite construir os sonhos, cravar no âmago de nosso ser as perspectivas, divisar os horizontes e até, em certos momentos, acreditar nos devaneios.      
                        
“É bom ter tido um amigo, mesmo se a gente vai morrer”, esta uma das lições de Exupéry. Os amigos são essenciais em todos os momentos da vida. Quase sempre são eles que nos apontam o norte, o rumo, o caminho possível.  
                       
Passei uma quadra de minha vida em Patamuté, distrito do município baiano de Curaçá. Lá aprendi muito, principalmente na convivência com os amigos. Tempos difíceis, mas fundamentais como escola de vida. O que tínhamos de melhor para enfrentar as dificuldades da época eram as amizades. 
                     
Neste contexto, convivi com João Brandão Leite, um amigo na acepção irretocável da palavra. Privar de sua amizade era ter uma retaguarda, um abrigo intransponível.  João Brandão tinha uma qualidade própria dos grandes homens, a humildade. E completava-se com outros atributos que o tornavam admirável por todos. Era generoso, nobre, magnânimo, justo, companheiro. Sobrava-lhe generosidade. Faltavam-lhe defeitos e imperfeições.
                   
Sempre é possível e muito saudável falar dos amigos. Mas não é sempre possível fazê-lo com a isenção necessária, mormente quando alguns desses amigos nos foram de fundamental importância em nossa vida. É por isto que me vem a lembrança de sua convivência, certamente impregnada de gratidão por tudo que João Brandão Leite representou em minha vida. Deu-me incentivo, ajudou-me em alguns momentos de fragilidade e, sobretudo, permitiu que sua amizade se fizesse presente quando, ainda jovem, eu muito dela precisava. Sua maneira de cumprimentar trazia o aconchego, a segurança da amizade: “Como vai, amigo velho”?
               
Entendo que a contribuição maior que um pai de família deixa para seus filhos é a formação do caráter.João Brandão Leite, embora arrostando as dificuldades naturais do lugar, educou exemplarmente seus filhos, dando-lhes os atributos necessários para a vida, dentre esses a conduta admirável, a seriedade e o apegar às virtudes. E ainda dedicou grande parte de sua vida à política partidária. Elegeu-se vereador à Câmara Municipal de Curaçá e, nesta condição, foi um baluarte em defesa de Patamuté e de sua gente.
           
Comecei citando Antoine de Saint-Exupéry. E termino este modesto texto com mais um de seus ensinamentos, em homenagem a este grande amigo João Brandão Leite: “Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós”.

WALTER ARAÚJO COSTA 
advogado,escritor e jornalista.
Leia mais...

ARTIGO: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA O IDOSO - Por: Paula Nayara-Psicóloga CRP-03/9980

No ano de 2003, foi instituído o Estatuto do Idoso com o objetivo de regular os direitos assegurados às pessoas com idade igual ou superior a 60 anos. Em seu Art. 3.º, o Estatuto destaca a obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do Poder Público assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação do direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária. Contudo, apesar da existência desta lei, muitos idosos têm seus direitos violados diariamente em diversos ambientes, principalmente dentro dos seus próprios lares.

Segundo estatísticas do IBGE em 2010, a população idosa no Brasil está aumentando aceleradamente. Referente a este aumento, observa-se que a violência contra o idoso é uma realidade grave que está crescendo cada vez mais no país, representando um importante problema de saúde pública. A maioria dos casos de maus-tratos ocorre dentro de casa, sendo os agressores os próprios familiares. Ao se falar em violência contra o idoso, pensa-se logo na violência física, mas além desta, a violência também pode manifestar-se como psicológica, sexual, moral, econômica, além de atos de negligência e omissão, e tal fato traz como consequências físicas e psicológicas para os idosos, danos e lesões corporais, depressão, medo,  entre outros sentimentos negativos. Os idosos já se encontram em situação de vulnerabilidade devido a sua condição física, tornando-os muitas vezes, com pouca capacidade de defesa. Daí pode-se falar em uma violência que se apresenta de forma oculta, mascarada, pois muitas pessoas idosas (seja por limitação física, vergonha, medo, dependência do agressor etc.) não denunciam, não contam ao familiar de confiança sobre a violência que estão sofrendo, o que contribui para a continuidade de uma triste realidade que pode resultar até mesmo em consequências fatais.

Profissionais da saúde devem estar comprometidos com a prevenção, diagnóstico e tratamento da violência contra os idosos, garantindo acesso aos serviços de saúde e oferecendo um atendimento de qualidade. É indispensável a atuação interdisciplinar destes profissionais junto aos da assistência, da justiça e outras áreas na abordagem e redução da violência contra idosos. É necessária uma reflexão social acerca desta problemática e o desenvolvimento de estratégias de ação que contem com a participação do governo, das famílias e da sociedade visando à prevenção das mais diversas formas de violência contra o idoso. Devemos incentivar toda a população no sentido de romper o silêncio, denunciar os maus-tratos para que seja possível a orientação, apoio a prevenção de novos atos de violência, punição aos agressores e outras medidas. Precisamos cuidar dos nossos idosos, garantindo o cumprimento do Estatuto do Idoso. Envelhecer é um processo natural na vida dos seres humanos e não devemos esquecer que os anos passam e que a nossa velhice também chegará!

(Com informações extraídas de Lei 10.741, 1/10/2003 – Estatuto do Idoso; Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, 2010. População residente por situação do domicílio, sexo e grupos de idade. Disponível em: www.ibge.gov.br).

Quer sugerir algum tema? Envie um e-mail para: paula.psique@hotmail.com
Paula Nayara Bezerra

Psicóloga CRP-03/9980
Leia mais...

CERCA DE 150 CRIANÇAS E ADOLESCENTES TIVERAM SEUS DIREITOS VIOLADOS EM CURAÇÁ

Com pouco mais de 30 mil habitantes, segundo dados do IBGE, a cidade de Curaçá apresentou, no último semestre, número elevado de crianças e adolescentes que tiveram seus direitos violados. Conforme balanço divulgado pelo Conselho Tutelar - que é responsável por zelar pelo cumprimento dos direitos desses jovens, instalado desde 2004-, foram atendidos aproximadamente 150 meninos e meninas que tiveram seus direitos ameaçados ou dessegurados. Na cidade, o Conselho Tutelar trabalha junto à Secretaria de Ação Social e Cidadania (SMASC), por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), dando assistência na sede e no interior do município.

De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, "é dever da família, da comunidade, da sociedade e geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar ou comunitária", frisou a conselheira Wilsa Carla Andrade, salientando que "quando um desses direitos não é cumprido, nós precisamos tomar providências”.

Ainda conforme o Conselho Tutelar de Curaçá, atualmente, a maioria das denúncias tem a ver com maus tratos e negligência familiar. Esse número pode ser ainda maior, pois muita gente ainda tem medo de denunciar. Na tentativa de diminuir os casos de violação dos direitos de crianças e adolescentes, a SMASC tem um programa de rádio onde aborda temas relacionados ao Estatuto da Criança e do Adolescente, além de realizar campanhas nas ruas e nas escolas.

“Também conscientizamos o curaçaense por meio de palestras nas escolas, como foi realizada na Escola Municipal Otaviano Matos, em Patamuté, e temos um programa na Rádio Curaçá FM, todos os sábados, das 12h30 às 13h, onde a população pode entender melhor o Estatuto da Criança e do Adolescente. Também pedimos a contribuição de todos para que as violações de direitos sejam denunciadas por meio do telefone (74) 9988-5081, pelo Disk 100 ou vindo à Sede do Conselho, localizado na Avenida Euvaldo Torres de Aquino”, comentou a Conselheira Sandra Soares.

Serviços realizados pelas equipes nos Centros de Referência e no CREAS

Quando o denunciado é identificado, ele, juntamente com sua família, recebe todo o apoio das equipes de assistência psicossocial, além de ser encaminhado ao CREAS, onde passa a ser assistido mais de perto pela equipe de psicólogos e assistentes sociais. Já o CRAS faz todo um trabalho de prevenção, oferecendo serviços e passando mais informações para esses jovens, bem como para seus familiares.

Como denunciar

O Conselho Tutelar de Curaçá, que está completando dez anos de atuação, funciona das 7h às 19h, com dois Conselheiros em cada turno e plantões noturnos de sob aviso (das 19h às 7h), além de plantões nos fins de semana e feriados. Não é necessário se identificar para realizar uma denúncia. Lembre-se: quem não denuncia é conivente.


Leia mais...