24 de abr de 2016

CURAÇÁ CONQUISTA BI-CAMPEONATO NA COPA TV GRANDE RIO DE FUTSAL

A tarde do sábado (23) foi de muito calor e futsal na final da Copa TV Grande Rio de Futsal 2016. De um lado, Curaçá campeão em 2013 e o estreante em decisões, Garapa. Com direito a transmissão ao vivo pela televisão, a partida teve seu pontapé inicial com alguns minutos de atraso, mas nada que diminuísse a animação das torcidas, postas em lados opostos do Ginásio do SESC. Com a bola rolando, Curaçá mostrou a que veio. Em poucos minutos 13 mostrou o cartão de visita ao goleiro adversário. Apesar do nervosismo inicial, não demorou muito para o time baiano dominar o primeiro tempo. Enquanto os jogadores do Garapa sentiam a final, logo Thompson fez soltar o grito de gol de Curaçá.
Garapa tentou responder, mas Cícero pouco trabalhou. E numa jogada errada do ataque Alan arrancou pela esquerda, driblou os marcadores e chutou cruzado para aumentar o placar. Na segunda etapa, a saída de bola ficou com o Garapa que precisava reagir. Porém o que se viu foi mais domínio de Curaçá. Enquanto Garapa tentava ameaçar o goleiro Cicero, os gêmeos Alan e Alex mostraram o porquê de serem uma dupla afiada. E aos seis minutos, em roubada de bola, Alex tocou para Alan driblar o goleiro e fazer a alegria da torcida curaçaense.
Os jogadores do Garapa aparentavam sentir a iminente derrota e, talvez, a falta de experiência do grupo, que faz apenas sua segunda Copa TV, tenha pesado no jogo. A equipe de longe lembrava seu desempenho na competição, errando passes e batendo cabeça dentro da quadra. O clima esquentou quando o árbitro assinalou pênalti e no meio da confusão, Júnior Carapiá e Kássio foram expulsos. Na cobrança do pênalti Baton diminuiu e acendeu a esperança por alguns minutos. Mas, Alan marcou novamente para o Curaçá, na saída de jogo. Foi então que o Garapa colocou seu goleiro na linha para tentar esboçar uma reação. A opção do técnico não surtiu efeito de início, e na base do desespero e coração, o time conseguiu encostar no placar marcando 4-3 quando o cronômetro se encaminhava para o fim do jogo.
E quando tudo parecia perdido para o Curaçá, eis que surge a figura do craque e capitão. Na velocidade Alan brigou com o goleiro e mandou para o gol, anotando mais um gol para sua equipe. Faltando poucos minutos para o apito final, a torcida gritava “Bicampeão” e não demorou muito para o Ginásio do SESC ir ao delírio com mais um título indo para a Bahia. De um lado havia a vontade e do outros pesou a experiência de Curaçá, que jogou com a malícia e vibração necessárias a um campeão, conquistando pela segunda vez o título de campeão da 20ª Copa TV Grande Rio de Futsal.
FICHA TÉCNICA
CURAÇÁ 5×3 GARAPA
Decisão da Copa TVGR de Futsal 2016
Data: 23 de abril de 2016
Horário: 14h00
Local: Sesc-Petrolina (PE)
Gols de Curaçá: Thompson (11’32s) e Alan (13’15s) do 1º tempo; Alex (2’49s) e Alan (7’21s e 12’29s) do 2º tempo.
Gols do Garapa: Batom (7’20s) e Gê (10’19s e 11’04s) do 2º tempo
Curaçá: Cícero, Alan, Alex, Tibúrcio, Thompson, Kássio Recife, Alex Sardinha, Robertinho, Café, Cássio Varjão, Reinaldo, Marley, Ilton e Jilmar. Técnico: Emanuel Agostinho (Neo).
Garapa: Babiton, Aquino, Luiz Henrique, Baton, Ewerton, Matheus, Leo Rosa, Rafinha, Jarbas, Sevielson, Júnior Carapiá, Bruninho, Charles, Patinha e Gê. Técnico: Fabiano Tadeu (Chokito)
Cartões amarelo: Tibúrcio, Alex e Kássio (Curaçá); Ewerton, Leo Rosa, Júnior Carapiá e Matheus (Garapa)
Cartões vermelho: Kássio (Curaçá) e Júnior Carapiá (Garapa)
1º Árbitro: André Dos Santos Ferreira
2º Árbitro:Wesley Kárdio do Nascimento Barbosa
Anotadora: Alexandra Alves Ferreira Lima
Cronometrista: Jailson Silva Soares
Delegado: Jhonathan Rodrigues Ferreira
Socorrista: Eniélio Paulo Afonso de Sousa Oliveira
Apoio: Vado Carvalho
DESTAQUES
Craque do Jogo: Alan (Curaçá)
Melhor goleiro do campeonato: Cícero (Curaçá)
Craque do campeonato: Alex (Curaçá)
Artilheiro: Ewerton (Garapa), com 17 gols
Melhor técnico: Neo (Curaçá)


Nenhum comentário:

Postar um comentário