24 de jul de 2013

VEREADOR COBRA E SECRETARIA ESCLARECE SOBRE CANAL ABERTO NAS CASAS POPULARES

Em contato com este Blog, na tarde desta terça-feira, o vereador, vice-presidente da Câmara, José Henrique (Dedé do Mundo Novo) sugeriu matéria sobre uma vala aberta por funcionários da Prefeitura na altura das Casas Populares. Segundo o Edil, foi procurado por algumas pessoas, inclusive moradores de outros bairros, que alegaram incômodo devido ao mau cheiro exalado do canal, além de cobrarem informações acerca da execução daquele serviço, no que fez a verificação em loco e registrou as fotografias abaixo.

SECRETARIA ESCLARECE

Visitamos mais uma vez o local, e dirigimos ao prédio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos. Lá, o funcionário atendente entrou em contato com o titular da Pasta, Sr Francisco Pedro, que adiantou um resumo ao parlamentar do que tratava o tal canal, ao tempo que marcou horário para detalhar ao Boletim a necessidade da execução. Segundo o Secretário, o projeto mal executado do bairro Casas Populares culmina em graves problemas para aqueles moradores, e um dos quais é a falta de saneamento, que obriga a população fazer uso de uma tubulação subterrânea destinada, a princípio, para escoamento da água de chuva, para drenagem do esgotamento que passa a céu aberto nas ruas e, assim, recair sobre uma área desabitada próxima a rodovia de saída da Cidade.


Ocorre que, segundo o Secretário Pedro, esta tubulação foi obstruída, intencionalmente ou não, por algum morador, impedindo a drenagem do esgoto e acarretando num vazamento e acúmulo da sujeira nas ruas centrais do Bairro, impedindo até a passagem de veículos, obrigando, assim, a Secretaria tomar a medida emergencial: “a vala foi analisada como medida provisória para desobstruir aquelas ruas, tirando o problema da área habitada até sanarmos paliativamente, visto que já estamos com topógrafo agendado para, até o final da semana, estudar uma maneira de drenagem subterrânea do esgotamento para uma área mais longe possível, onde não incomode os habitantes”, disse o secretário que completou informando que os problemas sanitários da Sede, principalmente das Casas Populares, que fica numa área relativamente mais baixa, só serão resolvidos por completo com a implantação de uma nova rede de saneamento básico, sinalizando ser uma pretensão da atual Gestão.



Um comentário: